[ editar artigo]

Você sabe realmente como escrever um bom artigo?

Você sabe realmente como escrever um bom artigo?

Buscamos trazer diariamente informações sobre empreendedorismo e negócios para te manter antenado a tudo o que acontece nesse universo. Acreditamos que artigos curtos são uma ótima forma para se obter conhecimento e transmiti-lo de forma eficaz. Disseminando as informações sobre empreendedorismo conseguimos atingir a diversos públicos e ensinar um pouco mais através da escrita. Mas é como dizem: “Melhor que dar o peixe é ensinar a pescar”, por isso, hoje perguntamos: Você realmente sabe como escrever um bom artigo? No livro “Write a How-to Article”, Christina Katz ensina passo-a-passo como escrever um bom artigo, separamos os 6 itens mais importantes na lista a seguir:

1 - SELECIONE SEU TEMA

Escolha um tópico que lhe interessa o suficiente para se concentrar nisso por pelo menos uma ou duas semanas. Se o seu tópico for amplo, reduza. Em vez de escrever sobre como decorar sua empresa, tente afunilar para decorar seu escritório com um estilo moderno e orçamento seguro. Isso é mais específico e, como tal, é mais fácil de lidar. Escreva um rascunho cru, incluindo tudo o que você pode pensar a respeito do tema. Mantenha-se solto, evite obter análises e aproveite o processo para compartilhar o que você já conhece sobre o processo. Quando você terminar, você terá o esqueleto de um artigo que só você poderia escrever. Em seguida, deixe-o de lado por um tempo. Existe um processo criado por Sócrates chamado maiêutica, que consiste resumidamente em se concentrar em uma ideia obsessivamente; passar por um processo de relaxamento para então finalmente conceber sua própria concepção sobre um determinado tópico. Acredite, funciona.

2 - ADEQUE SEU DISCURSO AO PÚBLICO - ALVO

Após relaxar, volte para sua peça. Mude de ponto de vista, imagine-se como leitor deste artigo. Escolha três palavras para descrever o público que deseja abordar, exemplo: profissionais, mulheres, empreendedoras. Como leitora, quais perguntas você gostaria que fossem respondidas? Você pode não conhecer as respostas ainda, mas liste as perguntas de qualquer maneira; você encontrará as respostas na próxima etapa.

3 - INVESTIGAÇÃO

Somente a pesquisa fundamentará seu artigo de fato. Detalhes interessantes para incluir em sua pesquisa são:

- Estatísticas;

- Citações de pessoas bem conhecidas;

- Definições;

- Analogias (ou histórias curtas e ilustrativas sobre você ou outra pessoa);

- Citações e exemplos de pessoas como o leitor ou de livros populares sobre o assunto;

- Referências a outras mídias (filme, televisão, rádio, revistas, etc);

- Referências a locais ou eventos (se for uma publicação regional/local).

Colete tudo o que reunir e coloque em uma pasta, nuvem online, caderno ou o que quiser. Apenas não se esqueça de anotar as fontes no caso de você ser mais tarde solicitado por um editor para verificá-las.

4 - ABRA SEU PROJETO

 Tendo em mente o seu público, escreva um rascunho mais curto, incorporando as informações de suporte que você coletou. Às vezes, o que você aprendeu nos passos 2 e 3 pode obrigá-lo a começar de novo com um rascunho completamente novo. Ou você pode apenas querer rever o que você tem ao prosseguir, mantendo um bom tom de conversa diretamente ao seu público. Desta vez, quando ler seu rascunho, pergunte-se: está funcionando? É muito geral, muito leve, desinteressante, pouco claro ou muito agitado? Se ficar confuso, use as publicações que mais gostou para se nortear. Quais são as técnicas que outros escritores usam e você também pode empregar em seu artigo?

5 - FAÇA-O ESPECÍFICO

Verifique novamente se você incluiu todas as etapas pertinentes no processo. Os artigos devem ser minuciosos. Você quer que seu leitor termine sabendo exatamente como fazer aquilo que você ensinou de forma excelente. Se a sua narrativa continuar e continuar, ou em muitas direções, divida-a em pontos-chave indicados com subtítulos, ou use recursos textuais como negrito ou fontes maiores para enfatizar aquilo que julga mais importante. Sintetizar informações complicadas e dividi-las em etapas é crucial para a escrita on-line, e também é uma tendência na impressa.

6 - LEIA, REVISE, RELEIA

Leia ou peça para que alguém leia o rascunho do seu artigo em voz alta. Então, faça uma série de perguntas: Você entende o que expliquei? Faltam alguns passos? Existe alguma outra coisa que gostaria de saber sobre o assunto? Poderia fazer a tarefa que ensinei? Com as sugestões do seu amigo em mente, use seu melhor julgamento para decidir quais mudanças, se houverem, precisam ser feitas. Aqui está uma lista rápida para ajudá-lo a detectar erros comuns:

- Você descreveu adequadamente os itens necessários para que o leitor complete a tarefa?

- Incluiu todas as etapas importantes?

- Segue uma ordem lógica?    

- Você usou palavras que indicam sequência: primeiro, depois, então?

- Você avisou os leitores de possíveis armadilhas?

Reescreva, leia em voz alta, reescreva, leia em voz alta, reescreva, encontre um revisor e, somente quando estiver satisfeito, com a certeza de que escreveu um artigo eficaz, envie sua peça para uma publicação. É claro que, alguns prazos não nos permitem realizar uma revisão tão minuciosa, mas sempre que houver tempo tente seguir esses passos.

Para mais dicas sobre empreendedorismo, inscreva-se em  nossa Comunidade e siga nossas Redes Sociais: Facebook, Instagram e LinkedIn.

Comunidade Empreendedora
Projeto Jovem Empresario
Projeto Jovem Empresario Seguir

Projeto Jovem Empresario

Ler matéria completa
Indicados para você